top of page
Julia - Capa Youtube.png
  • Foto do escritorJulia Marques

Após 20 anos de hiato, NSYNC retorna com "Better Place".

Após duas décadas de expectativa, os fãs de NSYNC têm motivos para celebrar. O icônico grupo, que marcou uma era com hits inesquecíveis, quebrou o longo hiato musical com o lançamento da cativante "Better Place". A faixa, parte da trilha sonora de Trolls 3, ressoa como uma alegre surpresa para os aficionados da banda.


O primeiro indício desse aguardado reencontro aconteceu no palco do Video Music Awards (VMA), quando Justin Timberlake, JC Chasez, Joey Fatone, Chris Kirkpatrick e Lance Bass subiram ao palco para premiar Taylor Swift como Melhor Artista Pop do ano. Esse momento histórico provocou rumores de que algo especial estava a caminho.


A antecipação foi elevada com a revelação de uma prévia de "Better Place" no trailer inicial da animação da Universal Pictures. A faixa, que transborda com a energia característica do NSYNC, imediatamente se destacou como uma oferta que promete fazer os fãs dançarem e se emocionarem.


Embora o retorno com "Better Place" tenha sido recebido com entusiasmo, permanece incerto se essa reunião do NSYNC representa um retorno duradouro ou uma colaboração única para a trilha sonora de Trolls 3. Os fãs ficam na expectativa de futuros trabalhos do grupo.


---


Legado do NSYNC:


Formado em 1995, o NSYNC deixou uma marca indelével na indústria da música com hits como "I Want You Back", "Bye Bye Bye" e "It's Gonna Be Me". Indicado a oito Grammys e protagonista de performances inesquecíveis, o grupo também teve a honra de se apresentar no intervalo do Super Bowl em 2001, em um show liderado pelo Aerosmith.


O último álbum do grupo antes do hiato foi "Celebrity", lançado em 2001, embora tecnicamente o último lançamento tenha sido o remix de "Girlfriend", com participação de Nelly.


O retorno do NSYNC com "Better Place" é uma notícia empolgante para os fãs que aguardavam ansiosamente por novidades do grupo. A faixa, além de evocar nostalgia, demonstra que a energia e o carisma que marcaram a era do NSYNC continuam vivos e cativantes. Resta aguardar para ver se essa reunião épica culminará em mais trabalhos do grupo que definiu uma geração.

Commenti


bottom of page